Notícias

Atlantic Nickel avança no cumprimento de metas e conclui maior exportação de níquel desde início das operações

By 14 de junho de 2021 No Comments

Produzido em Itagibá, minério contribui para transição energética global por meio de um negócio que prioriza desenvolvimento local com geração de empregos e renda.

A Atlantic Nickel, empresa que produz e exporta níquel sulfetado, componente fundamental na fabricação de baterias para veículos elétricos, celebra mais um importante avanço no cumprimento das metas prioritárias estabelecidas pela companhia para 2021. Por meio do Programa Estabilidade Segura, cinco dos 12 objetivos estipulados para a operação já foram alcançados:

  • Rendimento operacional da planta: Implementar as 20 iniciativas prioritárias para aumento da eficiência da planta.
  • Minério lavrado: Alcançar 2,45 milhões de toneladas de minério lavrado.
  • Alteamento da Barragem: Concluir a fase 1 das obras de alteamento da barragem de rejeitos.
  • Alimentação da planta: Alcançar 1,5 milhão de toneladas alimentadas na planta.
  • Recuperação metalúrgica: Atingir 79% de recuperação metalúrgica média de níquel sulfetado no primeiro trimestre.

O mesmo ritmo acelerado que proporciona o cumprimento das metas possibilitou outra grande conquista recente. A Atlantic Nickel realizou o embarque da maior remessa para exportação de concentrado de níquel desde que iniciou as operações no município baiano de Itagibá. Foram mais de 11,1 mil toneladas saindo do Porto de Ilhéus em direção ao continente asiático. No acumulado de exportações em 2021, a empresa já ultrapassa a marca de 40 mil toneladas comercializadas internacionalmente, e segue cumprindo os cronogramas de produção e escoamento.

O níquel produzido na Mina Santa Rita contribui para uma tendência global de transição energética, que gera impactos positivos ao meio ambiente, e a Atlantic Nickel se orgulha de estar preparada e bem posicionada mundialmente para atender à demanda internacional da eletrificação. Mirando a sustentabilidade como propósito, o negócio se expande enquanto prioriza desenvolvimento socioeconômico local, com geração de postos de trabalho e contratação de fornecedores locais, promovendo circulação de renda na região.
Desde que se instalou no município baiano de Itagibá, a Atlantic Nickel já gerou mais de duas mil vagas, o que representa mais de 16 mil empregos indiretos criados a partir das atividades de extração, beneficiamento e exportação do níquel sulfetado.